reitor_tenerife.jpeg

José Arlindo Barreto, Reitor da Universidade de Cabo Verde, discursou no Campus África sobre os desafios que Cabo Verde tem enfrentado na área da saúde, bem como o desejo de criar um Instituto de Saúde Pública dentro da Uni-CV em parceria com as Canárias.

O Reitor da Uni-CV reconheceu os avanços a nível sanitário que o país teve ao longo dos tempos, mas afirmou que Cabo Verde ainda sofre de algumas vulnerabilidades nesta área, por esse motivo acredita que um instituto dará melhorias significativas para saúde dos cabo-verdianos.

“Enquanto reitor, bateremos em todas as portas para ajudar o Governo e as pessoas a ultrapassar este problema”, assegurou o Reitor, adiantando o desejo de alargar as parcerias com as Canárias.

Durante o evento do Campus África foi renovado entre a Uni-CV e a Universidade La Laguna um protocolo para a segunda edição do Mestrado em Descarbonização Energética que visa oferecer conhecimentos técnicos e científicos para gerir e ajudar o país a fazer a transição para uma energia mais sustentável.

O evento aconteceu no dia 25 de julho em Tenerife, Espanha e contou com a presença das Pró-reitoras, Dominika Swolkien e Fátima Fernandes, Ministra da Defesa e do Estado, Janine Lelis, Vice-Presidente da Cabildo de Tenerife e um Deputado da Assembleia da Guiné Conakry.