O projeto denominado “EMPREATUR” foi financiado pela Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento (AECID).

empreatur_logo.jpg

O turismo em Cabo Verde é considerado um dos principais impulsionadores da economia do país, apesar de ter sofrido um certo decréscimo com a crise sanitária causada pela pandemia da Covid-19, e de estar exposto às imensas vulnerabilidades do país. Não obstante aos desafios, o turismo continua a ser um dos principais elementos da Agenda Estratégica de Desenvolvimento Sustentável, que pretende assegurar um desenvolvimento sustentável e inclusivo e procura otimizar as potencialidades de sustentabilidade do setor do turismo. 

Nesse sentido, a Universidade de Cabo Verde desenvolveu o projeto “EMPREATUR” que visa o fortalecimento do ecossistema de empreendimentos no sector turístico, com o propósito de contribuir para a promoção do turismo, como sendo o impulsionador de crescimento económico sustentável da ilha de Santiago.

O projeto “EMPREATUR”, apresentado pela Universidade de Cabo Verde, foi acolhido pela Cooperação Espanhola, visto que se alinha com o acordo de cooperação existente entre Espanha e Cabo Verde, em que o turismo é considerado o setor prioritário.

E também é de se realçar que o projeto pretende contribuir para a consecução do ODS 8 “Promover o crescimento económico inclusivo e sustentável, o emprego e o trabalho digno para todos”, e está alinhado com o V Plano Diretor da Cooperação Espanhola, em que se consideram prioritários o ODS 8 e a Meta 8.9 e com o estabelecido na alínea de ação 8.9.A. "Impulsar iniciativas de turismo rural como gerador de emprego alternativo nas zonas rurais". 

Podemos realçar que o projeto contempla a integração das principais prioridades transversais da Cooperação Espanhola estabelecidas no V Plano Diretor: igualdade de género, sustentabilidade ambiental, abordagem baseada em direitos humanos e liberdades fundamentais e respeito a diversidade cultural.

O projeto, orçado em 100 mil euros, está orientado a melhorar a capacidade de planificação estratégica para a promoção de empreendimento sustentável no setor turístico na ilha de Santiago. Com uma duração de dois anos, o projeto “EMPREATUR” pretende aumentar o conhecimento e o envolvimento dos principais responsáveis ​​na área do turismo sustentável como fonte de oportunidades de desenvolvimento na ilha de Santiago. Por fim, pretende ainda desenhar e implementar um programa de formação e apoio a empreendedores para a incubação de ideias de negócios no setor do turismo da ilha de Santiago.

Os beneficiários diretos serão a Unidade de Empreendedorismo e funcionários da Uni-CV, diretamente relacionados com a intervenção. As instituições ligadas ao turismo na ilha de Santiago terão mais conhecimento, estratégias de referência e networking, vendo as suas capacidades reforçadas: Instituto do Turismo, Ministério do Turismo, Associação de Turismo da ilha de Santiago, outros agentes sociais e privados, e a população da ilha de Santiago e Cabo Verde no geral.  

A entidade beneficiária do projeto EMPREATUR é a Universidade de Cabo Verde, tendo como principal parceiro a Universidade de Vigo (UVigo), Espanha. Conta ainda com outros parceiros, nomeadamente a Associação do Turismo de Santiago, o Ministério do Turismo e Transportes e o Instituto do Turismo de Cabo Verde.  O financiamento é garantido pela Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento no valor de 100 mil euros.