Reitor_recebe_membros_da_comunidade_académica_da_Universidade_da_Beira_Interior_em_mobilidade_na_Uni-CV.jpg

O Reitor da Universidade de Cabo Verde, José Arlindo Barreto, recebeu o docente da Universidade da Beira Interior, Portugal, Bruno Travassos, e a Técnica Administrativa, Cristina Mota, na segunda-feira, 18 de abril, na sala de reuniões do Edifício 2, do Campus do Palmarejo Grande. O objetivo do encontro foi de falar sobre a mobilidade do docente na Universidade de Cabo Verde.

A mobilidade dos membros da comunidade académica da Universidade da Beira Interior começou no dia 11 de abril, com várias atividades destinadas aos estudantes, sobretudo do curso de Educação Física e Desporto da Faculdade de Educação e Desporto. De entre as atividades realizadas, destacam-se dois seminários e uma conferência sobre "Um Olhar sobre o Futsal e Futebol". Cristina Mota realizou um programa específico com o Diretor do Gabinete de Estudos, Planeamento e Cooperação, Bruniguel Andrade.

O Professor Bruno Travassos aproveitou a mobilidade para se reunir com o Instituto do Desporto e da Juventude (IDJ) e a Federação Cabo-Verdiana de Futebol (FCVF), como forma de dar a sua contribuição para o desenvolvimento do desporto a nível de Futsal: “Foi uma boa oportunidade, porque vai abrir outros horizontes não só para a academia, mas também para o próprio País. Temos que trabalhar com essa sinergia de Ensino, Investigação e Extensão”, afirmou o Coordenador do Grupo Disciplinar de Educação Física e Desporto, Professor Filomeno Tavares, que acompanhou o Professor da UBI, durante a sua mobilidade na Uni-CV.

O Reitor mostrou-se disponível em avançar com a cooperação entre a Universidade de Cabo Verde, a Universidade da Beira Interior e a Federação Cabo-Verdiana de Futebol: “Queremos dar uma nova dinâmica às atividades do ensino, da investigação, da extensão e mobilidade internacional. É o que colocamos no centro das preocupações com os estudantes; portanto, temos muito por onde começar e trabalhar”.

“Foi uma mobilidade bastante enriquecedora, primeiro para conhecermos a realidade da Universidade de Cabo Verde, depois para perceber os desafios que têm pela frente”, sublinhou o Professor Bruno Travassos, reforçando que já estão lançadas as primeiras sementes para algo que poderá ser um protocolo de colaboração entre a Universidade de Cabo Verde, a FCVF, a UBI, no sentido da formação de treinadores de Futsal. 

“A formação de treinadores de Futsal, ou Futsal, é uma mobilidade que ainda não é muito desenvolvida em Cabo Verde, mas é muito praticada de maneira informal e, tal como nós, como a Federação Portuguesa de Futebol fez em Portugal, com a coligação das universidades, conseguiu-se um reforço em termos do ensino e da investigação. Existe muita vontade que a Universidade seja parceira neste protocolo. É uma oportunidade muito interessante para captar financiamentos, alunos, e para desenvolver novas oportunidades de extensão à comunidade”, frisou Bruno Travassos. 

A Vice-Reitora para as áreas de Ensino, Formação e Inovação Pedagógica, Sandra Freire, sublinhou que “a área de Educação Física e Desporto está no centro da atenção da nova equipa reitoral, que tem como objetivo dar-lhe um melhor rumo. Por isso, esta iniciativa vai ao encontro da nossa intenção; e, juntos dos parceiros, penso que será possível”.