visita_unicv.jpg

A Universidade de Cabo Verde recebeu a visita de cortesia do Presidente da Elite West Africa, Bamba Lassina, na quinta-feira, 16 de dezembro, na sala de reuniões, do edifício 2, do Campus de Palmarejo Grande. O encontro teve como objetivo apresentar a organização não governamental africana.

Para além de apresentar a organização à Reitora da Uni-CV, Professora Judite Medina do Nascimento, a reunião contou ainda com a apresentação do projeto de uma conferência internacional a realizar-se em Cabo Verde, em 2022, no qual se pretende formar cerca de 5000 mil jovens da CEDEAO.

Criada em 2015 por iniciativa de jovens intelectuais voluntários da comunidade de países da África Ocidental, a EWA é uma supra-organização não governamental africana integrada por organizações juvenis dos quinze estados-membros da CEDEAO, constituindo-se assim num think tank da juventude intelectual africana.  

Com sede em Abidjan, na República da Costa do Marfim, a EWA tem como foco das suas atividades a promoção da justiça social e a equidade e o respeito pelos direitos humanos. Com o objetivo de ajudar a fazer da nova geração africana uma oportunidade para a África, através da formação, promoção do empreendedorismo, ajuda humanitária, cultura da paz e excelência, esta ONG é atualmente responsável pela realização anual das conferências internacionais Jovens pela Paz (organizadas na Costa do Marfim, Burkina Faso e Mali); contabiliza mais de 1.700 jovens formados em Gestão de Projetos e em Desenvolvimento Pessoal; mais de 3.000 kits escolares distribuídos a crianças de famílias carenciadas; mais de 50 missões de sensibilização em grande escala para a consolidação da paz na África Ocidental,  para além de diversas experiências acumuladas e compartilhadas em missões na África, Ásia, Europa e Estados Unidos da América.