Encerramento-A-Arte-de-Comunicar-398.jpg

Música, poesia, teatro, é assim que o curso livre “Arte de Comunicar” terminou em grande, numa cerimónia com cerca de 100 formandos a receberem o certificado final e ainda satisfeitos por aprenderem as diversas formas de comunicar.

"Há conhecimento que não conseguimos expressar de forma oral ou escrita, e apenas conseguimos expressá-lo através da arte (música, teatro, pintura, poesia). Conseguimos nos expressar de diversas formas: isto é muito bom e gratificante e estou muito satisfeita com o que aprendi neste curso", afirmou Denise Silva, estudante do curso de Relações Internacionais e Diplomacia e também formanda do curso, classificando-o como "nota 10".

Frederick Monteiro, que é também do mesmo curso, disse que esta formação é fundamental para qualquer estudante ou profissional que quer aprender a comunicar e não só.

"Eu aprendi a ter uma boa postura ao andar, ao sentar e até a subir as escadas.  Antes há coisas que fazia deliberadamente, sem pensar; e hoje, com este curso, aprendi que uma boa postura é importante e mostra que somos uma pessoa decente", prosseguiu.

A cerimónia de encerramento do curso aconteceu na Universidade de Cabo Verde, no Campus do Palmarejo Grande, com uma plateia grande e os formandos a mostrarem as variadas formas de se comunicar que aprenderam durante a formação de dois meses e meio.

Arte de comunicar é um curso livre de comunicação, que existe há vários anos na Uni-CV e é ministrado pelo Professor Daniel Medina, que ensina a todos que querem aprender como comunicar de diversas formas, seja através da poesia, música, teatro; e também estimulando a autoconfiança dos formandos com a apresentação de vários vídeos motivacionais.

Osvaldo Borges, um dos formandos do público geral, entrou no curso porque queria desenvolver a sua habilidade comunicativa e não "pensou duas vezes para se inscrever" e, durante o curso, passou a gostar de poesia.

"Antes nem sabia o que era uma poesia e nunca tinha tido contato com ela. Mas hoje, através desta formação, já sei. Estou a gostar e até escrevi uma poesia da minha autoria", confessou Osvaldo, aconselhando aos que querem desenvolver e melhorar a sua comunicação para que não percam a próxima oportunidade. 

 Houve declamação de poesias de autores renomados e outras feitas pelos próprios formandos, música com bandas e solo que souberam cantar e encantar a plateia, e teatro com a performance do grupo de estudantes a encenar a grande obra "Romeu e Julieta". Estas foram muitas das várias animações dinâmicas da sessão final do curso.

Na esperança de que, no próximo ano, a Arte de Comunicar volte novamente, Hélder Tavares, estudante de Estudos Ingleses afirmou que este é "um grande curso" e que deve ser feito mais vezes para ajudar toda a comunidade académica.

Galeria Fotografias