INTERCAMBIO_NA_CHINA.png

De 28 de agosto a 10 de setembro de 2017, uma delegação de estudantes do Instituto Confúcio na Universidade de Cabo Verde, participaram num intercâmbio com a Universidade de Estudos Estrangeiros de Cantão, em Guangzhou, na China. O intercâmbio teve como principal objetivo aperfeiçoar e fortalecer o conhecimento do grupo em língua e cultura chinesas.

Com o intuito de expor os estudantes de mandarim à cultura e língua chinesas, surgiu a ideia de se realizar um intercâmbio que veio a concretizar-se levando à China 13 estudantes de Cabo Verde, acompanhados de uma docente do Instituto Confúcio.

Os estudantes que tiveram a melhor classificação no exame HSK (teste de proficiência em língua chinesa) e que participaram nas atividades extracurriculares do Instituto Confúcio, foram selecionados para fazer parte desse projeto do intercambio, que se subdividiu em três objetivos principais:  aulas de língua e cultura chinesas, visita à cidade e à vila de Gui Lin, bem como visita a pontos históricos e turísticos de Guangzhou.

Na cidade de Gui Lin, considerada uma das mais belas cidades da China, visitaram os pontos turísticos e culturais de maior destaque, além de terem entrado em contacto com a comunidade local. Os estudantes também aproveitaram a oportunidade para partilhar aspetos da cultura cabo-verdiana.

Em Guangzhou, visitaram o templo ancestral da família Chen e conheceram um pouco da história de respeito e dedicação que os chineses têm pelo seus ancestrais. No jardim Bao Mo os estudantes ficaram deslumbrados com as belas paisagens e obras de arte, inclusive com um pequeno santuário que reúne valiosas obras de arte, assim como molduras que ilustram a história de um justiceiro chinês, de grande importância para o povo chinês.

Os estudantes tiveram ainda a oportunidade de fazer um passeio de barco no rio das Pérolas. Aí puderam apreciar a torre de Guang Dong e a vista deslumbrante sobre a cidade.

Outros pontos de destaque, foram a visita à biblioteca e ao museu da província de Guang Dong, onde através de uma visita guiada puderam conhecer os artefactos e traços característicos e culturais do povo cantonês, e ainda a visita à ilha ShaMian e à famosa rua pedonal Beijing.

Pin It