Ponto_s.jpeg

A Universidade de Cabo Verde, através dos Serviços de Ação Social, reuniu com os estudantes timorenses matriculados na Uni-CV, com vista a inteirar-se sobre a situação em que se encontram os familiares dos estudantes. O encontro aconteceu na sexta-feira, 9 de abril, na sala de Foadel, Campus do Palmarejo. 

O encontro permitiu inteirar-se sobre a situação em que os familiares dos estudantes se encontram, face as chuvas torrenciais oriundas do ciclone tropical Seroja que atingiu Timor-Leste nos últimos dias e provocou cheias repentinas, deslizamentos de terra e causou inúmeros mortes e desalojados.

Um dos representantes dos estudantes, Benvindo José Guterres, agradeceu Cabo Verde, especialmente a Universidade de Cabo Verde que tem apoiado e demonstrado solidariedade ao povo timorense. “A situação no Timor-Leste é muito grave, tem milhares de população afetada pelas inundações, portanto, neste momento Timor-Leste precisa de muita ajuda e solidariedade tanto a nível nacional como internacional para puder recuperar da situação atual”. 

A Reitora da Uni-CV, Judite Medina do Nascimento, agradeceu a cada um dos estudantes timorenses pelo percurso feito e o sucesso alcançado. Colocou a Universidade à disposição dos estudantes, caso precisam de algum apoio.

Os estudantes timorenses chegaram à Uni-CV no ano letivo 2016/2017, mediante os acordos bilaterais com Cabo Verde, e hoje, são finalistas em diversos cursos de graduação na Universidade de Cabo Verde.

O encontro, através da plataforma digital Microsoft Teams, contou com a presença da Reitora, do Pró-reitor para a Ação Social, Assuntos Estudantis e Cultura Universitária, Mário Lima, e o Diretor dos Serviços de Ação Social, Adilson Neto, assim como dos estudantes timorenses matriculados na Uni-CV.