Danny mediaTem pouco mais de vinte anos, mas a determinação é saliente nas suas palavras e forma de falar. Daniel Correia afirma sem receios: “Sou ambicioso, sonho alto”. É uma das máximas deste jovem empreendedor, estudante da Uni-CV, que criou a empresa de fotografia Dany Midia, e com ela quer contribuir para o desenvolvimento de Cabo Verde.

“Dany Midia é o início de um grande sonho”. É desta forma que Daniel Correia classifica a sua ‘microempresa’ que tem feito trabalhos de cobertura fotográfica de eventos, como casamentos e batismos, produção de cartões-de-visita, flyers, entre outros.

Dany, como é conhecido, é natural do concelho de São Miguel, tem 22 anos e estuda o 3º ano do curso de Tecnologias Multimédia e Comunicação na Universidade de Cabo Verde. Órfão de pai, mãe doméstica, Daniel é o único dos filhos a chegar a uma universidade. Lembra que passou por muitas dificuldades e desafiando as condições económico-financeiras arriscou e correu atrás daquilo que queria. “Lembro-me de onde vim e não quero pra lá voltar”, salienta.

Entre tantas coisas que queria, estava o sonho de criar, de conhecer e se integrar aos bastidores da produção de um programa, e trabalhar por conta própria. Tudo isso, antes mesmo de terminar o curso.

Daniel conta que a interação com colegas já inseridos no mercado de trabalho permitiu-lhe aprender muito mais. Foi desta forma que surgiu a Dany Mídia: “o início de um grande sonho, de um grande projeto” que acredita ser o primeiro passo para se projetar e ganhar o seu lugar no mercado.

O micaelense pretende vir enquadrar outras áreas como o design gráfico e a webdesign no seu projeto, integrando profissionais especializados.

Com apenas 2 meses de vida, a Dany Midia já começou a dar seus frutos. Pois, segundo Daniel, por causa deste projeto, muitas coisas boas já lhe aconteceram, além de já conseguiu obter algum retorno financeiro. Daniel realça a sua participação na realização do projeto Women Tech África, e em eventos futuros como a Gala Uni-CV e no TEDx Praia.

Com vontade de aprender cada vez mais e lutar pelo seu futuro, Daniel tem feito muito com uma máquina fotográfica alugada que sempre o acompanha.
Os elogios ao trabalho têm sido muito e uma motivação para continuar, por isso diz: “Sou um aluno proactivo. Tenho muito que aprender, tenho paciência e humildade para aprender”.

Deixa uma mensagem aos seus colegas e futuros estudantes universitários: o hábito da leitura e pesquisar são cruciais para a aquisição de conhecimento e sabedoria.

Por: Larice Freire

Estudante do 4ª ano de Jornalismo

Pin It