monitores_frances.jpeg

Decorreu do dia 06 de maio até o dia 11 de junho, de forma continua, a formação “Ensino precoce do Francês Língua Estrangeira”, uma iniciativa conduzida pela Universidade de Cabo Verde e apoiada pela Embaixada de França. 

Direcionada a 5 monitores, a formação teve como objetivo principal, formar uma equipa pedagógica com metodologia específica do ensino do francês para um público muito jovem, de 4 a 6 anos. Essa equipa terá capacidade de criar e implementar programas e atividades pedagógicos para os jovens estudantes.

Segundo a coordenadora do Projeto, Ailine Pradignac, todos os objetivos foram alcançados. Estão a finalizar a realização de um "Kit pedagógico" de ensino precoce da língua francesa incluindo um guia pedagógico e material didático pronto a utilizar. “A equipa está muito motivada, a formação foi muito pertinente e concreta”, frisa.

 A partir de setembro de 2021 os monitores vão dar aulas de francês em 4 jardins infantis da capital do país em Fazenda, Palmarejo, Tira Chapéu e Achada Santo António - Brasil. 

A equipa atual vai tornar-se equipa de formadores para capacitar mais monitores durante o próximo ano e implementar o projeto em outras ilhas. 

O certificado foi entregue aos monitores no dia 12 de julho, pela Embaixada de França.