jornadas_lingua_portuguesa.jpg

A Faculdade de Ciências Sociais, Humanas e Arte (FCSHA) (curso de Filosofia) da Universidade de Cabo Verde, o Movimento Internacional Lusófono (MIL), o Camões – Centro de Língua Portuguesa na Cidade da Praia e o Instituto de Filosofia daUniversidade do Porto (IF-FLUP) organizam a III CONFERÊNCIA CABO-VERDIANA DE FILOSOFIA, LITERATURA E EDUCAÇÃO, sob o lema: “Trocas Narrativas e Experiência de Leitura Plural”, a ser realizada no dia 15 de outubro de 2020 (formato on-line), na Universidade de Cabo Verde. 

bg_conferencia_filosofia_literatura_educacao.png

Pretendendo dar continuidade às edições anteriores, este evento (desta vez a distância), pretende estabelecer a ponte entre Filosofia, Literatura e Educação no espaço lusófono, enaltecendo uma filosofia capaz de se abrir a novas formas de emergência da verdade através do literário e do poético. Neste sentido, cabe ao saber filosófico dialogar com estas formas de criação artística que, com efeito, são instâncias de formação humana, mormente na contemporaneidade onde cada vez mais se robustece a tendência para reduzir a experiência da verdade ao paradigma tecnocientífico que, isoladamente, não consegue dar conta da complexidade que envolve o humano. 

Nesta linha de pensamento, este evento tem o objetivo de – a partir da filosofia, da literatura e da educação (principalmente a partir das relações a elas historicamente ambíguas ou complementares) – procurar compreender a nossa situação como seres mediados pela experiência de várias linguagens produtoras (e doadoras) de sentido, questionando-nos (e permitindo-nos questionar) acerca da nossa condição humana pessoal, histórica, social e cultural. 

Reuniremos escritores, investigadores, professores, estudantes, artistas, curiosos, dando espaço à participação ativa de vários públicos que, doravante, poderão ver na literatura e na filosofia autênticas formas de educar a humanidade pela sensibilidade estética e ética. Assim, estimular a leitura no espaço pedagógico (e não só) é sinal de enriquecimento pessoal, trocas narrativas e humanização do espaço lusófono como espaço poético (e poiético) por excelência.

Considerando o atual contexto epidemiológico, associado à Covid-19, doença provocada pela infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, procederemos à transmissão da conferência em linha, através dos canais da Universidade de Cabo Verde, do Movimento Internacional Lusófono, do Camões, I.P. e da Universidade do Porto.