Em comemoração ao mês de Março, mês da Mulher, sob o lema "Ser Mulher: um desafio permanente", a Acad-Uni-CV – Campus do Palmarejo levou a cabo uma série de atividades alusiva a mesma.
No dia 27, dia da mulher cabo-verdiana, o Gabinete da Cultura e Eventos de Acad-Uni-CV levou a cabo uma exposição denominada de: "Mulher e Cultura cabo-verdiana", com mensagem de felicitações a todas as mulheres, exposição de vários produtos tradicionais (gastronómicas, pinturas e artesanatos), com declamações de poesias e uma peça teatral alusiva, que decorreu no átrio do Campus do Palmarejo.
Na mesma sintonia, para encerrar o mês da mulher, levou a cabo uma conferência denominada de "Ser Mulher: um desafio permanente" que teve a abertura com poemas dedicados às mulheres e de seguida compôs-se a mesa com 3 conferencistas:
1a "O papel da Mulher como educadora e agente de transformação na sociedade" (Prof. Doutora Eurídice Monteiro- Uni-CV);
2º "Violência contra a Mulher: basta" (Paulino Moniz – Laço Branco)
3a "Valorização e identidade da Mulher Negra na sociedade Cabo-verdiana" (Evandra Moreira – Estudante da Graduação).
E com a intervenção de uma massa crítica que não ficaram indiferentes à questões dos desafios que a mesma enfrenta ficou patente que os desafios são enormes, e há necessidade de reconfirmarmos a nossa própria história e acima de tudo a mulher deve posicionar-se no singular, visto que as mesmas não possuem os mesmos desafios. Relembrando que o Março serve apenas para reforçar os desafios constantes da mulher cabo-verdiana.
O encerramento esteve a cargo de animações musicais com Carlos Monteiro, estudante de Estudos Ingleses.

  

Pin It