Resultados
 

Resultados

Calendário das Olimpíadas de Matemática 2014-2015
 

 Calendario OM 2015 2016

Apresentação
 

As Olimpíadas de Matemática em Cabo Verde, ainda que tenham uma história relativamente curta, se comparada, por exemplo, com o percurso feito pelos países europeus de “tradição matemática competitiva”, pode dizer-se, porém, que têm uma especificidade própria.

Tudo terá começado a partir da implementação da ideia trazida pelas Professoras Natália Furtado e Tetyana Gonçalves da Ucrânia em 1995, onde essa competição, no quadro da ex-URSS, contava já com mais de seis décadas de existência. A ideia de realização das OM em Cabo Verde apresentou-se-nos então enquanto uma “arma de combate”, após termos sido confrontadas, no ano seguinte, com a realidade do país, que apresentava um quadro de reprovação relativamente acentuada e um certo desestimulo por parte dos alunos em relação à esta belíssima disciplina.

Foi neste contexto de procura de caminhos e de soluções para o problema, que a ideia foi discutida, amadurecida e seguidamente apresentada pela autora à Profª Maria das Dores Morais, quem teve a sagacidade de apreciá-la e perscrutar a sua importância, tendo decidido de imediato em apoiar a sua concretização, ajudando tanto na conceção como na execução do projeto das OM, que posteriormente viria a ser absorto pelo Centro de Matemática do já extinto Instituto Superior de Educação (ISE) nos idos anos de 1999.

Por conseguinte, as primeiras Olimpíadas de Matemática foram realizadas em Cabo Verde no ano letivo 2000/2001, sob o escopo da declaração do ano 2000 como o “Ano Internacional da Matemática”, promovido pela União Internacional dos Matemáticos (UIM)1, do mesmo modo como o ano de 2005 viria a ser declarado o “Ano Internacional da Física”, em memória das descobertas de Albert Einstein; 2009 – o “Ano Internacional da Biologia,” em memória de Darwing; 2010 – o “Ano Internacional da História”, 2011 – o “Ano Internacional da Química” e 2013 – “Ano de Matemática do Planeta Terra2.”

Os principais objetivos das Olimpíadas de Matemática foram e continuam sendo:

- Incentivar e desenvolver o gosto pela Matemática;
- Aprofundar os conhecimentos adquiridos na sala de aula e aplicá-los na resolução de problemas não estandardizados;
- Descobrir novos talentos.

E, dentro das suas responsabilidades, (direta ou indiretamente): Combater o problema à volta do insucesso nessa disciplina, criando uma dinâmica de intercâmbio e de convívio entre os alunos das escolas Secundárias do País.

O Centro de Matemática do Departamento de Ciência e Tecnologia do ex-ISE desde 1999 preparou e realizou, por etapas, as 1as Olimpíadas de Matemática em Cabo Verde, destinadas aos alunos pré-universitários, particularmente do Ensino Secundário. O grupo de trabalho (constituído pelos professores do Centro de Matemática do ex-ISE e por alguns professores de matemática de Escolas Secundárias da ilha de Santiago) decidiu que as Olimpíadas seriam realizadas para três categorias, a saber: A, B e C, correspondentes, respetivamente, a 7º - 8º, 9º - 10º e 11º - 12º anos de escolaridade e que estas realizar-se-iam em duas eliminatórias e numa Final Nacional.

Para o efeito, foram elaborados documentos que servissem de instrumento e regulamentassem o processo: “Regulamento das Olimpíadas de Matemática” (versão provisória), “Normas para participação das Escolas” e “Boletim de Inscrição”, onde cada escola indicava livremente as categorias em que se inscrevia e o respetivo responsável ao nível da escola, respeitando o princípio de democraticidade.


 

  • As 1as Olimpíadas de Matemática foram realizadas no ano letivo 2000-2001;
  • As 2as Olimpíadas de Matemática foram realizadas no ano 2004;
  • As 3as Olimpíadas de Matemática foram realizadas no ano 2009 no âmbito do projecto Amílcar Cabral – Programa Linguagem das Letras e dos Números (Brasil – Cabo Verde);
  • As 4as Olimpíadas de Matemática foram realizadas no ano letivo 2010-2011;
  • As 5as Olimpíadas de Matemática foram realizadas no ano letivo 2011-2012;
  • As 6as Olimpíadas de Matemática foram realizadas no ano letivo 2012-2013.
  • As 7as Olimpíadas de Matemática foram realizadas no ano letivo 2013-2014.

 

Presidente da Comissão Organizadora

  • Natália V. K. Dias Furtado

_____________________________

1: Foi no Rio de Janeiro (Brasil), que em 6 de Maio de 1992, a União Internacional dos Matemáticos (UIM) declarou que o ano 2000 seria o ano Mundial da Matemática. A Declaração do Rio definiu na ocasião três objetivos a alcançar, a breve trecho: a) Os grandes desafios do século 21; b) Matemática uma chave para o Desenvolvimento e c) A imagem da Matemática.
2: Foi durante o Congresso Internacional de Matemática de 2010, na Índia, que Christiane Rousseau (Montreal) lançou o desafio Matemática do Planeta Terra 2013. 

Provas e Soluções
 

Provas realizadas nas Olímpiadas de 2013-2014 e as respectivas soluções:

     1ª Eliminatória – 24.01.2014

- Categoria A - 7º e 8º anos

- Categoria B - 9º e 10º anos

- Categoria C - 11º e 12º anos

     2ª Eliminatória – 27.02.2014

- Categoria A - 7º e 8º anos

- Categoria B - 9º e 10º anos

- Categoria C - 11º e 12º anos

     Final Nacional – 25.04.2014

- Categoria A - 7º e 8º anos

- Categoria B - 9º e 10º anos

- Categoria C - 11º e 12º anos

 

Provas realizadas nas Olímpiadas de 2012-2013 e as respectivas soluções:

     1ª Eliminatória – 11.01.2013

- Categoria A - 7º e 8º anos

- Categoria B - 9º e 10º anos

- Categoria C - 11º e 12º anos

     2ª Eliminatória – 22.02.2013

- Categoria A - 7º e 8º anos

- Categoria B - 9º e 10º anos

- Categoria C - 11º e 12º anos

     Final Nacional – 26.04.2012

- Categoria A - 7º e 8º anos

- Categoria B - 9º e 10º anos

- Categoria C - 11º e 12º anos

 

Provas realizadas nas Olímpiadas de 2011-2012 e as respectivas soluções:

     1ª Eliminatória – 12.01.2012

- Categoria A - 7º e 8º anos

- Categoria B - 9º e 10º anos

- Categoria C - 11º e 12º anos

     2ª Eliminatória – 24.02.2012

- Categoria A - 7º e 8º anos

- Categoria B - 9º e 10º anos

- Categoria C - 11º e 12º anos

     Final Nacional – 27.04.2012

- Categoria A - 7º e 8º anos

- Categoria B - 9º e 10º anos

- Categoria C - 11º e 12º anos

 

Provas realizadas nas Olímpiadas da Lusófonia e as respectivas soluções:

- 1as Olimpiadas da Lusofonia (Coimbra - Portugal)

- 2a Olimpiada da CPLP (Bahia - Brasil)

 

Documentos de consulta e referência:

- Conceitos Básicos da Teoria dos Conjuntos

- Números Complexos

- Princípio de Indução

- Teoria dos Números

- Teoria dos Números - Aplicações

Olimpíadas de Matemática da Comunidade dos Países da Língua Portuguesa
 

5as Olimpíadas de Matemática da Comunidade dos Países da Língua Portuguesa (Praia, Cabo Verde, Julho de 2015)

proposta logo om 02Os ministros da Educação da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) manifestaram o apoio às Olimpíadas de Matemática da CPLP (OMCPLP) na VII Reunião de Ministros da Educação da CPLP, que decorreu no dia 30 de Março de 2012, em Luanda. Na Declaração Final, aprovada pelos governantes dos diversos países, sublinha-se a necessidade de "apoiar as Olimpíadas da Matemática da CPLP" e de "incentivar os Estados Membros a criar as condições para a participação dos seus jovens naquela iniciativa".
No mesmo documento reconhece-se "o grande valor educativo proporcionado [pelas Olimpíadas de Matemática] designadamente ao nível da melhoria da qualidade do ensino da Matemática e da promoção da sua aprendizagem".

 Organizadas pela primeira vez em 2011, em Coimbra, nos dias 20 – 30 de Julho, pela Sociedade Portuguesa de Matemática e pelo Departamento de Matemática da Universidade de Coimbra, as OM-CPLP surgiram com o objetivo de unir os países lusófonos através da matemática, incentivar o desenvolvimento da disciplina e aprofundar a cooperação nesta área.

 A segunda edição realizou-se em Salvador (Bahia, Brasil) nos dias 20-28 de julho de 2012.

 Em 2013 de 05 à 10 de agosto, Moçambique foi o país anfitrião das OMCPLP.

 As quartas Olimpíadas ocorreram em Luanda (Angola) nos dias 12-18 de julho de 2014.

 A realização das 5as Olimpíadas de Matemática da CPLP foi assumida por Cabo Verde (Julho de 2015).

 Click aqui para efetuar a sua Inscrição.


 Participação da Delegação cabo-verdiana nas Olimpíadas da CPLP

 1as Olimpíadas de Matemática da Lusofonia (Coimbra, 20 – 30 de Julho de 2011).

1aOlimpCPLPEsta foi a primeira edição das Olimpíadas de Matemática da Lusofonia (OML). As OML, organizadas pela Sociedade Portuguesa de Matemática (SPM) e pelo Departamento de Matemática da Universidade de Coimbra, têm como objectivo unir os países lusófonos através da matemática, incentivar o desenvolvimento da disciplina em todos eles e aprofundar a cooperação nesta área. A competição teve o apoio do Banco Espírito Santo, da Ciência Viva, da Fundação Calouste Gulbenkian e da Sonae.

Os 23 participantes, vindos de quatro continentes distintos a saber: Angola, Brasil, Cabo Verde, Moçambique, Portugal e Timor Leste participaram na Semana Olímpica, onde frequentaram cursos, treinaram a resolução de problemas e participaram em jogos de estratégia.

Leia o texto completo

 

 


 2a Olimpíada de Matemática da Comunidade dos Países da Língua Portuguesa (Salvador – Bahia – Brasil, 20 – 28 de Julho de 2012).

2aOlimpCPLP A partir de então, chamadas da Comunidade dos Países da Língua portuguesa (CPLP). A competição foi organizada pelo Departamento de Matemática da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e contou com o apoio da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), o Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), a Sociedade Brasileira de Matemática (SBM) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCTI). A iniciativa, que fez parte de uma estratégia conjunta para a melhoria do ensino em todos os níveis, tem como objetivos fortalecer e estimular o estudo da Matemática, contribuir para o desenvolvimento científico da comunidade, detetar jovens talentos nesta ciência e incentivar a troca de experiências entre os países participantes.

Leia o texto completo


 4a Edição das Olimpíadas de Matemática da Comunidade dos Países da Língua Portuguesa (Luanda – Angola, 12 – 18 de Julho de 2014).

angola-omEsta foi a quarta edição das Olimpíadas de Matemática, a partir de 2012, chamadas da Comunidade dos Países da Língua Portuguesa (CPLP). A competiçãofoi organizada pelo Ministério da Educação de Angola em colaboração com o Departamento de Matemática da faculdade de Ciências, o Instituto Nacional de Investigação e Desenvolvimento da Educação, e contou com o apoio da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Essa competição de vencedores das Olimpíadas nacionais dos países da CPLP ao nível do ensino secundário foi realizada sob o lema: “Com o Conhecimento da Matemática Compreenderemos Melhor o Mundo Globalizado”.

Os 24 participantes vindos de três continentes distintos, a saber: Angola, Brasil, Cabo Verde, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe participaram, também, na I jornada Internacional do Ensino da Matemática.

Regulamento

Regulamento