No âmbito do Projeto 3D Mask Portugal e da sua prestação na luta de prevenção contra o Covid-19, a Universidade de Aveiro, através da Fábrica Centro Ciência Viva de Aveiro (FCCV), disponibilizou um lote de 1000 (mil) viseiras à Universidade de Cabo Verde. 

Para além de viseiras, foram doadas ainda, suportes para orelhas/nuca, acetatos e filamento para as impressoras 3D da Casa da Ciência da Uni-CV. Esses materiais vão reforçar ainda mais a produção de viseiras da Casa da Ciência na Praia, que posteriormente vão ser doadas aos profissionais de saúde que estão na linha de frente contra a Covid-19.

A Reitora da Uni-CV, Judite Medina do Nascimento, destaca a excelente relação de cooperação que a Universidade de Cabo Verde tem com a Universidade de Aveiro, e tecendo palavras de agradecimento pelo gesto, sublinhou que “É mais uma iniciativa que testemunha as boas relações entre as duas Universidades e os membros das duas comunidades académicas, mas também relembra-nos que a Universidade de Aveiro esteve na origem do projeto de montagem da Casa da Ciência em Cabo Verde, que posteriormente integraria a Uni-CV na cidade da Praia e foi igualmente a parceira na montagem da Casa da Ciência do Mindelo".

"Trata-se de uma parceria de longa data, que contribuiu para o desenvolvimento da Universidade Pública, tanto através da capacitação avançada dos seus docentes, como igualmente através da investigação, com vários grupos de investigadores das duas Universidades, envolvidos em projetos conjuntos. Devo registar igualmente a participação de docentes da Universidade de Aveiro na lecionação de Unidades curriculares em Mestrados e Doutoramentos da Uni-CV. A Universidade de Cabo Verde agradece ao Professor Pedro Pombo por pensar logo na Uni-CV numa situação como a que estamos a viver neste momento. Não nos podemos esquecer que, considerando a dificuldade de enviar as viseiras durante a quarentena, o Professor Pombo partilhou com a casa da Ciência o projeto das viseiras, no quadro do projeto 3D Mask Cabo Verde, que foi impresso e está a ser utilizado na Uni-CV”, concluiu a Reitora da Uni-CV.

Recorda-se que as impressoras 3D da Universidade de Cabo Verde ganharam uma nova utilidade em tempos da Covid-19. Das aulas práticas de multimédia à produção de viseiras que ajudam no combate contra a pandemia. A casa da Ciência da Uni-CV já produziu cerca de 150 viseiras, no âmbito do projeto 3D Mask Cabo Verde. 

O Projeto 3D Mask Portugal une voluntários individuais, com ou sem acesso a uma “impressora 3D”, a uma causa comum: a produção e distribuição de viseiras para os profissionais dos diferentes setores que combatem a pandemia provocada pelo novo coronavírus.

 

mw-1920.jpeg

Pin It