O Centro de Investigação e Formação em Género e Família (CIGEF), O Gabinete de Orientação Psicopedagógica e a Associação dos Estudantes da Uni-CV organizaram uma conversa aberta sobre “Empoderamento no Feminino e Autonomia da Mulher e a Musica”, na quinta-feira, dia 23 de março, no Terreru di Amizadi, Campus do Palmarejo.

A atividade iniciou-se com um momento musical protagonizado pela artista Yacine Rosa.

O empoderamento no Feminino e Autonomia da Mulher foi apresentado por Evódia Graça que explanou sobre o seu percurso Académico e Professional enquanto Ativista, Empreendedora Social e Young African Leader 2016 pelo Presidente Barack Obama.

A Música foi apresentada pela artista Yacine Rosa que explicou como que enveredou pela área da musica, tendo admitido que desde da criança queria ser Médica.

Esta atividade que foi organizado no âmbito da comemoração do mês da Mulher contou com a presença da Diretora do CIGEF, Clementina Furtado, da embaixadora da Comunidade Womenise.it, da artista Yacine Rosa, membros da ACAD Uni-CV, Docentes e Estudantes.

Click na imagem para ver mais imagens.

 Empoderamento no Feminino e Autonomia da Mulher

 

TERERU 23

 

Tereru di Amizadi foi o palco da comemoração alusiva ao dia do Pai

 Comemoração alusiva ao dia do Pai

O Centro de Investigação em Género e Família (CIGEF), Gabinete de Orientação Psicopedagógica, Serviço de Acão Social e Associação Académica da Uni-CV, em parceria com a Laço Branco e a Womenise.it, organizaram na quinta-feira, dia 16 de março uma comemoração alusiva ao dia do Pai, que é celebrado no domingo dia 19 de março. A atividade aconteceu no Tereru di Amizadi, no Campus do Palmarejo.

O convidado especial foi o Secretário Executivo da Laço Branco, Dr. Paulino Moniz que realizou uma conversa aberta com os presentes no dia comemoração alusiva do dia do pai.

“A paternidade em Cabo Verde está muito aquém do desejado, porque pelo que percebemos em conversas comunitárias que temos, são momentos de tristeza, quando as pessoas estão a falar da experiência e vivência com os seus pais”, disse, indicando que são pais de diferentes extratos sociais, desde o polícia, ao empresário, passando por político ou pedreiro.

O Laço Branco Cabo Verde é uma rede fundada a 10 Julho de 2009, por um grupo de homens das mais variadas áreas de formação e de atuação, caracterizado pelo forte engajamento na promoção da igualdade de género, pelo fomento de alianças com outras instituições/organizações da sociedade civil que se posicionam a favor dos direitos humanos e contra a desigualdade de género e a todas suas manifestações.

O evento contou com a presença do Secretário Executivo da Laço Branco, da Diretora do CIGEF, Professora Doutora Clementina Furtado, da Coordenadora do GOPE, Professora Dinora da Cruz, e da Coordenadora do Serviço de Ação Social, Dr.ª Dilce Sá Nogueira, assim como os estudantes da Uni-CV.

 

CIGEF celebra Março mês da Mulher com diversas atividades

mesdamulhercigef

O Centro de Investigação e Formação em Género e Família (CIGEF) da Universidade de Cabo Verde tem diversas atividades para comemorar o mês da mulher. O momento alto será a celebração no dia 18 de março com a palestra "A importância do Empoderamento da Mulher e seu papel no desenvolvimento, Cidadania e Saúde" que vai tomar lugar no Centro Paroquial da Igreja de São Miguel, na Calheta de São Miguel, às 9h30.

As atividades iniciam-se a 16 de março com uma comemoração alusiva ao dia do Pai, organizada pelo CIGEF, Gabinete de Orientação Psicopedagógica, Serviço de Acção Social e Associação Académica da Uni-CV, em parceria com a Laço Branco e a Womenise.it, no Tereru di Amizadi, no Campus do Palmarejo.

No dia 18, será realizada a palestra no âmbito da agenda promovida pela Organização das Nações Unidas sob o lema "Empoderamento económico das mulheres na mudança do mundo do trabalho: Planeta 50/50 até 2030".

A ação tem por objetivos: Refletir sobre a situação da igualdade de género em Cabo Verde e no Município; Analisar a situação das mulheres nos meios rurais, no que diz respeito ao seu empoderamento e exercício da sua cidadania; Dissertar sobre a saúde das mulheres no meio rural; e Difundir/socializar os instrumentos promotores de igualdade e da não discriminação, nomeadamente a lei Violência Baseada no Género (VBG).

A este evento junta-se a parceria da Câmara Municipal de São Miguel, a Delegacia da Saúde, a Delegação Escolar de São Miguel, o Instituto Cabo-verdiano para a Igualdade e Equidade de Género (ICIEG) e a Delegacia de Saúde de São Miguel.

No dia 23, as atividades regressão ao Tereru di Amizadi, no Campus do Palmarejo com "Konbersu sabi sobre Empoderamento da Mulher e a igualdade de Género no Mundo e em Cabo Verde", com a parceria do ICIEG e ONU Mulheres.

As actividades do mês de março serão finalizadas com o “Fórum sobre as Condições de vida das Mulheres em situação de vulnerabilidade em Cabo Verde”, a ser realizado no dia 30, em parceria com a Associação Caboverdiana de Promoção e Inclusão das Mulheres (APIMUD) e ICIEG.

Pin It