voluntariado Web

montagem 1 semana voluntariado

O Serviço de Acção Social da Universidade de Cabo Verde organizou a I Semana do Voluntariado na Uni-CV na qual formou cerca de 50 estudantes para integrarem o Corpo de Voluntários da academia.

"Um pocu de mi pa djuda txeu" foi o lema deste evento que promete regressar todos os anos. De 15 a 24 de março foram recolhidos nomes dos novos voluntários da Uni-CV que receberam formação de capacitação para o voluntariado nessa mesma semana. Foram reunidas duas turmas no Campus do Palmarejo com cerca de 50 estudantes interessados em ajudar.

A atividade contou com Edson Silva como formador do Corpo Nacional de Voluntários para dinamizar um núcleo de Voluntários na Uni-CV.

Alícia Mendes do 1º ano do curso de Enfermagem contou a razão porque se quis inscrever: "Vim com os meus colegas sem saber de nada, mas depois é que me dei conta que esta formação vai ser importante para mim quando terminar o curso e também vai enriquecer o meu currículo."

"É importante porque o meu curso exige que se aprenda a cuidar dos outros e o voluntariado é algo que damos de nós para ajudar", acrescentou.

"Sempre quis participar numa formação de voluntariado porque acho que é uma ação linda de se praticar, então quando soube desta formação inscrevi-me logo", disse Stefan Carine, estudante do 1º ano de Enfermagem.

Lizandro Tavares do 1º ano de Enfermagem também apontou as motivações: "Eu decidi participar desta formação porque tive contato com o Corpo de Voluntários da Uni-CV na altura que entrei na universidade e eu fui um dos que esteve nessa recepção. Então decidi que gostaria de entrar neste projeto para ajudar no processo de adaptação de outras pessoas que também vão entrar na Uni-CV."

"É necessário ser um estudante ativo e fazer notar o nível de participação pessoal de cada um no desenvolvimento da universidade e para isso é preciso ter uma formação mínima, além da vontade própria, para que possamos desenvolver o nosso papel da melhor forma", salientou Edson Gomes do 3º ano de Ciências da Educação.

A formação teve como objetivo não só capacitar os novos estudantes, mas também conseguir novos inscritos, incentivar e demonstrar a importância do voluntariado dentro da universidade, de acordo com a coordenadora de gabinete de Ação Social, a Professora Dilce Sá Nogueira.

"O Corpo de Voluntários da Uni-CV tem prioritariamente de cumprir com os objetivos do Corpo Nacional de Voluntários que pode ser feito dentro da universidade voltado para os outros colegas e outros serviços, mas também pode ser levado lá fora como já fizemos com as Aldeias SOS", afirmou.

"No futuro gostávamos que o voluntariado pudesse conceder créditos aos estudantes participantes no sentido de valorizar as suas notas em determinadas disciplinas, onde a teoria e a prática podem ter um bom casamento", explicou.

Na Uni-CV os voluntários dão apoio em diversas áreas como por exemplo na Biblioteca, eventos promovidos em determinadas disciplinas ou mesmo pela universidade, na recepção de caloiros, em torneios desportivos, e em muitas outras atividades. “Eles participam desde a inscrição até ao final da atividade, ficam do princípio ao fim. O Corpo de Voluntários tem sido o braço direito da Ação Social e eles têm tido um papel muito importante para a nossa universidade", concluiu.

A I Semana do Voluntariado contou com o apoio do Gabinete de Orientação Psico-pedagógica, do Corpo Nacional de Voluntários e do Camões, Instituto da Cooperação e da Língua.

 

Semana do Voluntariado - "um pocu de mi pa djuda txeu"

 

 

voluntariado display

Pin It